4 sinais de que você encontrou alguém de vidas passadas

Se você alguma vez teve a sensação de um forte Déjà vu, de ter estado em um determinado lugar ou momento; ou você sentiu rapidamente uma conexão com alguém, podem ser sinais que revelam aspectos de uma vida anterior.
Para algumas pessoas, corpo e alma são entidades diferentes. Portanto, com a morte do corpo físico não há apenas um fim, mas também um novo renascimento, onde a alma segue seu caminho de aprendizagem. A mudança contínua continua seu curso, mas nunca é o mesmo “eu” que renasce.
Para aqueles que acreditam nisso, se você já teve a sensação de um forte Déjà vu, de ter estado em certo lugar ou tempo; ou você sentiu rapidamente uma conexão com alguém, pode ser sinais que revelam aspectos de uma vida anterior. Saiba como interpretá-los quando você topa com um estranho que por alguma razão não parece ser tão estranho assim.

—-

—-

Estes são alguns dos sinais que indicam que você encontrou alguém da sua vida passada:

 

Você sente uma conexão imediata
É impossível explicar em palavras o que você sente com alguém que, mesmo sem se lembrar de tê-lo visto antes, se torna tão familiar para você que você acha que sempre o conheceu. Mas algo no nível de energia acontece e ambos são atraídos, positivamente ou negativamente.
As almas com maior conexão estão entre si, grandes mestres. Eles vêm até nós para nos deixar grandes lições. Portanto, tê-los encontrado em uma vida anterior nem sempre implica um encontro de amor. O aprendizado pode não ser fácil, e ele voltará de novo e de novo se não dermos lugar a ele.
Pode ser que quem você encontrar imediatamente se torne seu confidente, como se sempre tivesse sido, e então é provável que sua alma reconheça a da outra e saiba que é alguém por quem você teve muito amor ou confiança; ou, pelo contrário, podemos nos encontrar diante de alguém pelo qual se sente uma grande rejeição sem explicação aparente.
  
Déjà vu
Se você pensa que está vivendo algo que já viveu, tem lembranças ou sonhos que não consegue explicar facilmente, mas os sente muito intensamente, pode estar na presença de uma pista sobre sua vida passada. O mesmo acontece se isso inclui uma pessoa que você conheceu de repente.

—–



—–

  
Pontos de vista e pensamentos semelhantes
Já aconteceu com você que alguém diz exatamente o que você pensa? Ou que apenas um olhar é o suficiente para entender? Esta conexão sem ter passado muito tempo juntos poderia ser a chave para pensar que vocês compartilharam uma ou várias vidas passadas. Acredita-se que essas almas tendem a ter uma conexão mais profunda, mesmo em um nível subconsciente, e que mesmo isso pode ser sido lido nos olhos do outro. Não aconteceu com você que no olhar de alguém você sente algo particular que você não pode explicar? Talvez esta seja uma das razões.
Encontros curtos e intensos
Se alguma vez lhe aconteceu que ao conhecer alguém você teve um relacionamento tão intenso quanto breve, pode ser que em uma vida passada houvesse algo pendente para resolver entre vocês, mas não havia necessário muito tempo para fazê-lo.
O que aprender?
Se algo ou alguém de uma vida passada voltar, é que há um aprendizado que ainda não está resolvido. O Ser é ainda mais poderoso que a mente, e o universo irá colocá-lo de novo e de novo na frente dele para que você possa resolvê-lo.
Assim que você fizer isso, você sentirá alívio e continuará avançando no caminho do crescimento e da iluminação.

 

Recomendados:

Livro – Segredos de Vidas Passadas: Como Ativar Memórias Do Passado E Resolver Problemas Do Presente

Com base em relatos de casos reais, a autora nos mostra que, a menos que resolvamos nossos traumas do passado, eles nos acompanharão ao longo das nossas vidas e serão reencenados vezes sem conta. Constatamos esses fatos em casos de maus-tratos, falta de autoconfiança, medo de intimidade doenças físicas persistentes, assim como de medos e fobias de modo geral. As muitas histórias verídicas e inspiradoras deste livro são uma prova incontestável de que nós podemos mudar o nosso destino, vivendo em paz no presente e garantindo um futuro melhor nesta e nas nossas próximas existências.

 

 

—–