Fada de Escorpião

Esterella

—-



—-

Aqueles nascidos sob o signo do escorpião carregam mundos poderosos dentro deles, e não se permitem de deixá-los sair. Eles são os mestres dos sentimentos e os vivenciam com intensidade: amor, raiva, compaixão, ciúme … Uma onda de emoções os sacode o tempo todo. Eles acreditam que tudo o que querem deve ser satisfeito e vivem sob esse código.
Eles são apaixonados e rancorosos, e isso os torna os melhores amantes e os piores inimigos. Eles são constantes e trabalhadores, porque acreditam no trabalho que os leva a alcançar uma posição e reconhecimento.
Ele precisa de uma fada que compreenda o vasto universo de sentimentos e não tenha medo de mergulhar neles. Isso coloca o amor e suas consequências acima de todas as emoções. Que ela entende os pactos que os amantes estabelecem entre si sem falar. Esta fada é Esterella.



Esterella pertence à corte das criaturas que reinam sobre os rios. Por causa disso, eles entendem os ciclos da vida e o modo como as paixões moldam o mundo. O coração é o pequeno lago, e os sentimentos são o rio que leva suas energias ao grande mar do mundo. Dessa forma os moldam com o amor do universo. E o Escorpião são os que mais contribuem para essa causa com suas emoções sem freios ou filtros.
Não é incomum que emoções fortes acabem com as energias de um Escorpião. Ou que essas mesmas emoções o levem a se sentir deprimido ou abatido. O amor pode ser uma obsessão para os nativos deste signo, e se sofrem por isso podem abandonar tudo. Em todos esses casos, devem chamar Esterella com essa música:
“A vida flui impulsionada pelo coração. Nada se move se o amor não o ordena antes, e o amor pode mover tudo. Você sabe que estradas, qual destino, quais portos são capazes de levar ao amor, porque você sabe que o coração é feito de pedra, mas que não há pedra que não quebre diante da devoção. Nós somos o rio que abre caminhos pela montanha. Me dê essa força para ousar a sentir novamente. Não me abandone a essa paixão, porque você a entende. Me dê a luz do amor “.
Peça com sentimento aberto que Esterella o concederá.
Esterella é atraída por fontes, independentemente do seu tamanho, onde a água flui e cria sua música simples. Ela também gosta dos potes de água feitos de barro e das pedras lisas do rio branco colocadas sob um espelho de água em uma tigela.

Livro: O colecionador de fadas

O colecionador de fadas é um livro de contos que reúne narrativas que envolvem os personagens nas mais diversas questões morais, metafísicas e até racionais. Há a constante presença do conflito, base do conto, onde os envolvidos se colocam nas mais inusitadas decisões e surpresas que somente a vida pode impor.

Livro: Contos de Fada e Desenvolvimento Psicossexual

Há muitos anos, em um reino distante, já se ouvia histórias que falavam de fadas e bruxas, príncipes e castelos, princesas e sapos, monstros e madrastas, anões e gigantes, esses e muitos outros personagens fazem parte do que conhecemos hoje por “Contos de Fadas”. Essas histórias são, constantemente, contadas e recontadas para crianças, adolescentes e adultos. Perpassam vários espaços sociais, sendo reconhecidas popularmente; quem nunca parou para ouvir ou para contar um Conto de Fadas? Qual dessas histórias lhe remetem a sua infância? A psicanálise se utiliza das histórias para chegar ao inconsciente das crianças, auxiliando na construção de uma sexualidade adequada a sua idade. É o mesmo que acontece nas histórias onde sapos viram reis; o processo da metamorfose, no qual tudo acontece a seu tempo, é essencial para o desenvolvimento de uma sexualidade plena e saudável.

Livro: A Cozinha Encantada Dos Contos De Fadas

“Cozinhar é uma tarefa mágica. Um punhado de farinha, manteiga e ovos pode se tornar um lindo bolo, assim como um copo de leite gelado com sorvete e morangos vira um delicioso milk-shake. Com um pouco de persistência e criatividade, as coisas se transformam, ganham brilho, vida e graça, como num passe de varinha de condão.Neste livro, Katia Canton reuniu o encanto da culinária com a fantasia dos contos de fadas para apresentar as diversas receitas que aparecem em histórias como Cinderela, Pele de Asno, O Gato de Botas e muitas outras.”